Lesões do plexo braquial relacionadas ao parto

As lesões do plexo braquial relacionadas ao parto ocorrem em um a cada 500 nascimentos. Apesar dos avanços da obstetrícia, esta situação continua ocorrendo com frequência, mesmo em países desenvolvidos. Tipicamente acontece em bebês grandes nascidos por parto vaginal, mas pode ocorrer na ausência de fatores de risco, o que torna difícil sua prevenção.


Read more...

Conduta nas lesões traumáticas de nervos

Um dos fatores que determinam a conduta nas lesões traumáticas de nervos periféricos é saber se essa lesão foi aberta ou fechada.

Nos traumatismos abertos o ideal é realizar a exploração cirúrgica imediata. Se o ferimento foi causado por objeto agudo (ex. vidro), que não provocou contusão na extremidade dos cotos proximal e distal do nervo, deve-se realizar sutura imediata, término-terminal, com técnica microcirúrgica.


Read more...

Momento operatório em cirurgias de nervos periféricos

O momento operatório do reparo de nervos é critico na determinação do resultado final e depende de diversos fatores, especialmente do tipo de lesão (ex. laceração, secção romba, estiramento/contusão, compressão, etc.).

Qualquer ferimento aberto em que haja suspeita de lesão neural deve ser explorado precocemente. Se houver uma secção “limpa” (sem contusão) do nervo deve ser realizado reparo microcirúrgico imediato.


Read more...